NF-E E A OPERAÇÃO PRESENCIAL

0
309
visualizações
Nota fiscal

Olá pessoal!

Precisamos conversar e o assunto é sério! Vamos falar sobre NOTA FISCAL!

Temos um novo campo em utilização na nota fiscal, que é o Tipo Presença, que aparece junto às informações do Destinatário. Este campo refere-se ao tipo de atendimento realizado ao seu cliente.

Esse campo interfere na configuração dos CFOP’s, onde:

1- A OPERAÇÃO PRESENCIAL faz com que o CFOP seja o de operação interna, ou seja, foi uma operação de compra/venda realizada dentro do seu estado, onde,
para COMPRA, são iniciados com 1 (ex.: 1102) e para VENDA, são iniciados com 5 (ex.: 5102).

Neste tipo de operação, o imposto de ICMS é recolhido dentro do estado do emissor da nota, ou seja, do estado do lojista. Não há partilha do imposto. Neste caso, a alíquota de ICMS permanece a do seu estado.
Ex.: São Paulo – 18%

2- A OPERAÇÃO NÃO-PRESENCIAL faz com que o CFOP seja o de operação externa, ou seja, o produto não será entregue dentro do seu estado e sim no estado do cliente, onde,
para COMPRA, são iniciados com 2 (ex.: 2102) e para VENDA, são iniciados com 6 (ex.: 6102).

Neste tipo de operação, o imposto de ICMS é dividido entre o estado de origem (da sua loja) e o estado do destinatário (do cliente). É o que chamamos de DIFAL.

Neste caso, ao incluir a alíquota de ICMS, você deve preencher conforme a tabela de alíquotas interestaduais. Ex.:
São Paulo → Minas Gerais — ICMS: 12%

Abaixo, deixamos alguns links que podem esclarecer melhor sobre o assunto. Mas, pedimos a todos os clientes que esclareçam as suas dúvidas com os seus contadores a respeito de como emitirão suas notas daqui pra frente.

Links Úteis:

O que é DIFAL?

* O QUE É UMA RETIRADA PRESENCIAL DA MERCADORIA
Caracteriza-se por Retirada Presencial de Mercadoria a entrega imediata do produto, na operação comercial de venda, ao próprio comprador, independentemente deste estar localizado no mesmo Estado do vendedor ou não.

🚗 💨 Equipe BNDV

DEIXE UMA RESPOSTA